COMPARTILHE EM SUAS REDES

Há muitos anos, os carros populares estão no mercado para atender uma parcela de pessoas que procuram um veículo com custo mais acessível, mesmo que isso indique um modelo com menos recursos. 

A realidade é que, com tantas opções mais equipadas disponíveis, os carros populares, também conhecidos como veículos de entrada, estão sumindo das ruas, já que a diferença de valor para um carro mais completo não é mais tão vantajosa assim. 

Mas será que isso é suficiente para fazer os carros populares desaparecerem do mercado? A princípio, não. Quando esse conceito surgiu, as fabricantes praticamente foram direcionadas para esse tipo de produção, pois contavam com baixos impostos. Hoje, as regras mudaram: obter lucro com a produção e venda desses modelos no Brasil é cada vez mais difícil.

Neste artigo, vamos entender o que são os carros populares, como eles surgiram, por qual razão eles estão perdendo sua força no mercado, quais são as opções mais baratas encontradas e onde encontrá-las.

História dos carros populares 
Por que os carros populares estão desaparecendo do mercado? 

Os modelos de carros populares mais baratos do mercado 

Os melhores carros populares usados e seminovos

História dos carros populares 

Os carros populares, também conhecidos como carros de entrada, são, basicamente, as versões mais simples lançadas para cada modelo de veículo. Mas não é só isso: eles acabaram entrando no mercado por conta de um protocolo que baixou o IPI a 0,1% para automóveis com motor 1.0. 

Foi assim que os primeiros carros populares surgiram, no início da década de 90, quando as montadoras brigavam por preço e adequavam seus automóveis para ter uma alíquota menor, com menos equipamentos, motor 1.0, biocombustível e duas portas. Ou seja, os carros de entrada eram aqueles sem qualquer tecnologia ou luxo.  

A Fiat foi a primeira montadora a lançar um carro popular  no mercado. O Fiat Uno Mille, com 48 cv de potência e velocidade máxima de 135 km/h, foi sucesso de vendas e em pouco tempo já representava 45% da produção da linha Uno.  

Na sequência, outras fabricantes seguiram o movimento: a Volkswagen com o Gol, a Ford com o Escort e a Chevrolet com o Chevette. Na prática, esses modelos de entrada eram versões simplificadas de veículos que já existiam no portfólio das montadoras antes do incentivo para se tornarem carros populares. 

Muita coisa mudou até os dias de hoje, inclusive o conceito de carro popular, que deveria se referir a um veículo barato, com alíquota baixa e os equipamentos mais simples, reduzindo ainda mais os custos da produção. Com o tempo, os motores foram ficando maiores, os preços subindo e as regras básicas de um carro de entrada ficaram para trás.  

Fiat Uno Mille Economy em foto de estúdio
Fiat Uno Mille foi um dos pioneiros da categoria de carros populares na década de 90 (Imagem: Fiat/divulgação)

Por que os carros populares estão desaparecendo do mercado? 

Se um dia os carros populares já foram os mais procurados, hoje a realidade é outra. Ainda que eles sejam encontrados em lojas e concessionárias, são vendidos em menor quantidade, na comparação com outras categorias mais equipadas.

Em 2021, com a tecnologia reinando em muitos setores, inclusive o automobilístico, o perfil do consumidor mudou e o carro popular perdeu espaço no mercado, já que quase ninguém mais se interessa por um modelo básico sem atrativos. 

Porém, a culpa do possível fim desse tipo de automóvel não é apenas de quem compra, mas também, principalmente, da disposição das marcas em explorar essa categoria, do peso dos impostos e das exigências do governo. 

 1 - O perfil do consumidor mudou... 

O perfil do consumidor brasileiro mudou, e sua experiência de compra não é mais a mesma. Hoje, o consumidor é exigente, tem opinião e faz suas próprias pesquisas para buscar o melhor produto e satisfazer suas necessidades. 

É isso o que tem acontecido com os carros populares. Com opções mais equipadas comercializadas por um preço não tão acima do modelo de entrada, o consumidor acaba optando pelo mais avançado, que atenderá de uma forma mais positiva suas expectativas.  

Conforme dados da Fenabrave, em 2021, houve 37.616 emplacamentos de veículos de entrada. Já os hatches pequenos tiveram um total de 68.236 emplacamentos, que perdem apenas para os SUV´s, que tiveram 94.545 emplacamentos. Em 2003, no auge das vendas dos carros populares, a situação era bem diferente: os veículos de entrada lideravam as vendas, com um total de 595.696 unidades.  

2 - ...e o interesse das montadoras também

Apesar de os carros populares serem carros de entrada, nos dias de hoje, nem todo veículo de entrada pode ser considerado um carro popular. Aliás, talvez poucos modelos possam.

Com o passar dos anos, as fabricantes foram equipando seus modelos iniciais, os preços foram subindo e o projeto de um automóvel barato, que dá pouco lucro, foi deixando de ser prioridade. 

Com isso, além de o consumidor não estar mais tão interessado em comprar um carro sem muitos atrativos, as montadoras também demonstram menor interesse em vendê-los, afinal, não é mais novidade que essa categoria de automóveis não resulta em um bom retorno sobre o investimento. 

A Ford, por exemplo, com sua decisão de fechar suas fábricas no Brasil, deixou de investir em modelos de entrada – como o Ford Ka – para centralizar seus esforços nos SUVs e picapes, categorias de maior lucro da companhia.  

A Volkswagen, da mesma forma, já não deseja mais ser a líder de vendas dos carros populares – como acontece com o Gol: hoje, seu posicionamento é o de focar no lucro proporcionado pelos SUVs. 

Essa mudança de postura por parte das fabricantes é traduzida com números: em 2003, o VW Gol, carro popular mais vendido da época, teve um total de 180.073 emplacamentos; em 2020, mesmo com a liderança, o número de veículos vendidos caiu para 71.151.

3 - Mais impostos e mais exigências do governo 

Com uma das cargas tributárias mais complexas do mundo, não é barato produzir e, consequentemente, vender um automóvel no Brasil. Em São Paulo, por exemplo, o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) foi de 12% para 13,3% em janeiro de 2021. 

Dessa forma, um carro 0 km com motor até 1.0 tem impostos que somam 36,53% do preço total do veículo. Diante disso, o valor do VW Gol, que é, em média, R$56.190, passaria a ser de R$29.664 sem os impostos.   

Além do peso da carga tributária, as exigências do governo para fabricar um automóvel no Brasil são diferentes de anos atrás.  As questões ambientais e de segurança no trânsito são muito mais rígidas - até mesmo metas de emissões de poluentes precisam ser cumpridas.  

Para que um carro polua menos, o investimento não é baixo. As montadoras precisam instalar conversores catalíticos, modernos sistemas de desligamento dos cilindros do motor e outras peças, o que se reflete no preço final do veículo. 

Com a segurança, não é diferente. Airbags e freios ABS são obrigatórios no Brasil desde 2014, ou seja, cada vez mais novas peças precisam ser adicionadas ao projeto dos automóveis, fazendo com que a época dos carros populares baratos fique cada vez mais no passado.  

Os modelos de carros populares mais baratos do mercado 

Mesmo que os veículos de entrada não estejam mais em seu auge, eles ainda são vendidos e é possível encontrar alguns modelos para comprar no mercado - só não espere por aqueles preços convidativos com os quais o brasileiro havia se acostumado há alguns atrás. Atualmente, são eles: Renault Kwid Life, Fiat Mobi Easy, Fiat Uno Attractive e HB20 Sense. 

Traseira de carro Renault Kwid Life cor laranja em fundo branco
Versão Life, do Kwid, é uma das mais acessíveis no mercado atualmente (Imagem: Renault/divulgação)

Renault Kwid Life

O Renault Kwid Life é a versão de entrada da linha Kwid, sendo um dos carros populares mais baratos do mercado. Esse modelo possui motor 1.0 flex, câmbio manual de cinco velocidades, quatro airbags, isofix, abertura interna do porta-malas, pré-disposição para rádio, alerta sonoro e visual do uso do cinto de segurança – que é de três pontos – do motorista e do passageiro, indicador de troca de marcha, apoio de cabeça traseiro com ajuste de altura e retrovisores com ajuste manual. 

Com equipamentos padrões, o Kwid Life tem valores a partir de R$ 42 mil, mas pode ser encontrado em versões usadas e seminovas a partir de R$ 25 mil. 

Carro Fiat Mobi Easy em fundo branco
Mobi Easy, da Fiat, pode ser considerado como um carro popular (Imagem: Fiat/Divulgação)

Fiat Mobi Easy 

O Fiat Mobi Easy é outra opção de carro popular disponível hoje em dia. Com motor flex 1.0, câmbio manual e quatro portas, esse é um modelo que chama atenção por sua economia de combustível, podendo fazer até 13,7 km/L na cidade e 16,1 km/L nas estradas. 

O Fiat Mobi Easy 0 km é um  carro de entrada que pode ser encontrado por valores a partir de R$ 41 mil, sem nenhum pacote adicional. No mercado de usados e seminovos, é possível achar a versão a partir de R$ 25 mil.

Carro Fiat Uno Attractive em fundo branco
Uno Attractive é mais um modelo da Fiat com valores populares (Imagem: Fiat/divulgação)

Fiat Uno Attractive 

Mais uma opção da Fiat, o Uno Attractive também é um dos carros populares mais baratos atualmente. Sem muito apelo, suas características são as básicas de qualquer veículo de entrada, apenas com o diferencial dos vidros elétricos, travas elétricas, ar-condicionado e computador de bordo.  

O preço sugerido pela fabricante é a partir de R$ 52 mil, enquanto no mercado de usados e seminovos o veículo é negociado a partir de R$ 26 mil. 

Carro HB20 Sense da Hyunda, em fundo branco
HB20 Sense, da Hyundai, é um dos últimos modelos populares no mercado (Imagem: Hyundai/divulgação)

Hyundai HB20 Sense 

Por último, outro carro popular barato é o HB20 Sense, da Hyundai. Esse modelo segue a maioria dos veículos de entrada, com motor 1.0, câmbio manual, airbag duplo, freios ABS, cinto de três pontos, dentre outros equipamentos. É possível, no entanto, por um valor adicional, ter um pacote de segurança que agrega airbag lateral, controle de estabilidade, controle de tração, sinalização de frenagem e assistente de partida em rampa. 

No mercado de carros novos, essa é uma versão que pode ser encontrada a partir de R$ 53 mil. Já entre os usados e seminovos, é visto a partir de R$ 34 mil.

Os melhores carros populares usados e seminovos 

Se o fim dos carros populares está próximo ou não, é difícil afirmar com certeza, apesar de existirem muitos fatores que indicam esse futuro. Enquanto isso não acontece ou não temos evidências mais concretas, é natural que muitas pessoas ainda se interessem por esse tipo de veículo - tanto no mercado de novos quanto no de usados e seminovos - justamente por seu valor mais acessível.

Encontrar um carro popular bom e barato para comprar é muito mais rápido, fácil e seguro com a CARUPI, uma solução inovadora capaz de mudar a forma como as pessoas negociam carros usados e seminovos. 

A primeira vantagem de comprar um veículo popular na CARUPI é que você conta com um catálogo online, que pode ser acessado tanto pelo nosso app quanto website, com diversos modelos para escolha. Todos os automóveis disponíveis passam por uma vistoria, assegurada por um laudo cautelar, o que garante que a sua compra é segura e livre dos golpes que costumam ocorrer nos classificados particulares.

Mulher acessando notebook sentada na cama ao lado de cachorro sonolento
Na CARUPI você compra carros populares usados e seminovos sem sair de casa (Imagem: Unsplash)

E não é só isso. Antes de adquirir o seu automóvel, você pode agendar um test-drive, com a comodidade de receber o veículo desejado em sua casa: a equipe da CARUPI retira o carro com o vendedor e leva até você. Nosso time acompanha todo o processo, deixando tudo ainda mais seguro.

Além disso, com a CARUPI você não precisa se complicar com pagamentos e documentos para assinar. Nossos executivos auxiliam até na busca por financiamentos mais vantajosos e a papelada do cartório é assinada na sua casa. Sim, os documentos são enviados para você, com conforto e praticidade.

Unir os atrativos de um carro popular com as vantagens de comprar um usado ou seminovo na CARUPI é certeza do melhor negócio. Então não deixe de conhecer todos os serviços da CARUPI em nosso site e tirar suas dúvidas com nossa equipe. Seu carro popular está esperando por você aqui!