COMPARTILHE EM SUAS REDES

O Gol é, certamente, um dos carros mais conhecidos – e queridos – pelo brasileiro. O sucesso do modelo da Volkswagen segue presente nas ruas e estradas brasileiras há décadas, desde os anos 80.

Considerado um dos maiores “hits” da empresa alemã, o Gol é o único carro produzido em território nacional que chegou à marca de mais de 5 milhões de modelos produzidos, e já passou por diversas gerações, modificações, renovações e inovações.

Dentre tantas versões, muitos acreditam que a de 2008, conhecida como Gol G5, é o modelo que trouxe maiores mudanças e novidades em relação às anteriores, tornando-se um sucesso absoluto de vendas.

Ficou curioso para conhecer melhor a história, as curiosidades e os detalhes interessantes do Gol G5? Então é só seguir com a gente e conferir!

Índice

Volkswagen Gol G5 prata esverdeado em cenário de estúdio fotográfico
Gol G5 foi apresentado ao mercado em 2008 (Imagem: VW/divulgação)

Gol G5: o início

A linha Gol sempre foi importante dentro da Volkswagen, mas o modelo começava a perder destaque após o lançamento do Polo (2002) e do Fox (2004), veículos que impactaram o mercado e as vendas da montadora. Até então, já haviam chegado ao mercado duas gerações do automóvel, com versões que ficaram conhecidas como Gol G1, G2, G3 e G4, todos com características bastante distintas.

Com muitos apostando no fim da “era Gol”, a fabricante queria mostrar ao público brasileiro que esse continuaria sendo o carro chefe da empresa no país. Para isso, porém, era necessário repaginar o modelo, realizando mudanças profundas na plataforma do veículo.

Assim, em junho de 2008, foi apresentado ao mercado o “Novo Gol”, que inaugurou a chamada “terceira geração” do modelo e ficou popularmente conhecido como Gol G5, seguindo a sequência lógica da nomenclatura das versões anteriores. O Gol G5 era um veículo totalmente novo, diferente de tudo que o carro já havia apresentado até então.

Gol G5 vermelho em alta velocidade em rodovia com barranco gramado ao lado
Design do Gol G5 marcou uma grande mudança no visual do modelo (Imagem: VW/divulgação)

As inovações do Gol G5

Mas, afinal, quais foram essas mudanças? E por que ocorreram em tão pouco tempo, visto que o Gol G4 havia sido lançado há apenas dois anos antes da “terceira geração” de veículos Gol? 

As inovações são bastante marcantes e visíveis. Para começar, uma das mudanças mais relevantes no projeto do veículo foi em seu design externo. A partir do Gol G5, a montadora abandonava de vez o visual dos modelos “quadrados” e adotava o padrão “bolinha”, se assemelhando ao Polo e ao Fox, lançados anos antes.

As mudanças internas também foram importantes para que o automóvel se destacasse no mercado. Com modificações estruturais na parte interna, o espaço aumentou e o design e acabamento foram aprimorados, trazendo mais elegância e conforto para os motoristas e passageiros. 


Já em sua funcionalidade e mecânica, o Gol G5 sofreu grandes modificações, se adaptando às capacidades dos principais concorrentes na época, como o Fiat Palio e o Chevrolet Corsa. O motor do Gol G5, por exemplo, deixou a posição longitudinal e passou para a transversal, e foi alterado da linha AP para a linha EA111, com propulsores 1.0 (72/76 cv) e 1.6 (101/104 cv).

Por fim, foram feitas transformações em outros atributos, como freios, suspensão, direção e aerodinâmica, por exemplo. É justamente por conta dessa grande quantidade de novidades que a montadora tentou emplacar o veículo no mercado como “Novo Gol”, não seguindo a ordem cronológica e deixando de lado o nome Gol G5 para se referir ao modelo.

Gol G5 cinza em rua de paralelepípedos em frente a prédio de arquitetura antiga
Gol G5 foi denominado de Novo Gol pela Volkswagen (Imagem: VW/divulgação)

O Gol G5 e as demais versões

Lançado em 2008, o Gol G5 continua sendo referência para o desenvolvimento dos novos automóveis da linha Gol. E de lá para cá, foram várias novas versões. O Gol G5 2010, por exemplo, ainda era um modelo que mantinha as características dos anos anteriores, sem muitas mudanças de destaque.

Já em 2012, a Gol lançou uma repaginação considerada por muitos como uma “nova geração” – ou seja, a G6. Apesar disso, justamente pela popularidade que o nome G5 ganhou na época em que foi lançado, muitos preferem manter essa nomenclatura, chamando o modelo de Gol G5 2012. A montadora se ateve ao nome “Gol”, enquanto muitas concessionárias tentaram emplacar o apelido G6 (sem muito sucesso).

Leia também: Como são escolhidos os nomes dos carros?

Além disso, muita gente considera que o G6, ou Gol G5 2012, é basicamente um facelift do modelo anterior, com apenas algumas mudanças em sua aparência, carroceria e estrutura. Esse é justamente um dos principais motivos para que o nome G6 não emplacasse totalmente.

Já em 2016, o Gol G5 recebeu o seu segundo facelift, ficando parcialmente conhecido como Gol G7. As mudanças que mais se destacam nessa versão são:

  • novas saídas de ar condicionado
  • central multimídia
  • tampa do porta malas com vinco
  • lanternas traseiras com efeito tridimensional quadrado

A versão mais atual da linha é a chamada de Gol G8, presente no mercado desde 2018, sendo a primeira versão da família a ganhar o câmbio automático de 6 marchas. Os faróis maiores são características que se destacam nesse modelo. Para o futuro do Gol, há mais perguntas que respostas: correndo sério risco de sair de linha em breve, há rumores de que o carro mais brasileiro de todos possa ter um retorno triunfal em forma de um SUV compacto. 

Gol G5 Vintage branco em estúdio com fundo infinito e guitarra ao lado
Gol G5 recebeu diversas edições temáticas especiais (Imagem: VW/divulgação)

Edições especiais do Gol G5

Todo veículo com uma grande história como a do Gol G5 acaba recebendo edições exclusivas e versões especiais que agitam o mercado quando são lançadas. Confira as versões especiais do Gol G5 que foram lançadas pela Volkswagen: 

  • Rock in Rio: alusiva ao evento na cidade do Rio de Janeiro
  • Seleção: homenagem à Seleção Brasileira de Futebol
  • Vintage: comemorando 30 anos do Gol no mercado
  • 25 anos: celebrando os 25 anos do modelo na liderança de mercado no Brasil
  • Rallye: versão de apelo off-road
  • Black Gol: marca o fim do primeiro modelo e a chegada da primeira versão reestilizada da terceira geração
Gol G5 cinza esverdeado estacionado em pista com guard rail ao fundo
Gol G5 tem diversas opções no mercado de usados e seminovos (Imagem: VW/divulgação)

Quanto custa um Gol G5?

Com tantas variações, edições especiais e versões diferentes, definir quanto custa um Gol G5 pode ser uma tarefa complicada. Para efeito de referência, unidades do Gol G5 2009 são encontrados a partir da faixa de R$ 22.000,00 no mercado de usados e seminovos, enquanto os modelos chamados de Gol G5 2016 apresentam valores que beiram os R$ 40.000,00. 

Claro, esse valores podem variar conforme a quilometragem e o estado de conservação do veículo. Por isso, é sempre importante pesquisar com calma e procurar carros usados com procedência e em perfeito estado de funcionamento. 

Na CARUPI, todos os carros vendidos através de nossa plataforma são periciados, possuem garantia e recebem laudo cautelar. Assim, você garante que está comprando um veículo que não irá causar problemas ou deixar você na mão.

Além disso, fazer negócio através da CARUPI tem muito mais vantagens! Nossa tecnologia trouxe ao mercado soluções práticas, rápidas e seguras para quem quer trocar de carro, investindo em usados e seminovos.

Jovem rapaz sentado em sofá de sua casa acessando plataforma da Carupi em seu celular e laptop
Compre usados sem sair de casa utilizando a plataforma online da CARUPI (Imagem: Freepik)

Encontre seu Gol G5 na CARUPI

Com a plataforma de negócios inovadora da CARUPI, dá para vender e comprar carros sem precisar sair de casa. Nossa equipe de especialistas é treinada e preparada para direcionar todas as etapas do processo, desde a precificação ideal do modelo à venda, produção de fotos profissionais do carro em sua casa, divulgação dos anúncios na web e em nosso catálogo online de carros à venda, trâmites de vistoria, entre outros serviços. 

Buscamos e devolvemos os veículos em um sistema de test drive delivery, negociamos com os envolvidos, agilizamos as documentações de compra e venda e garantimos o dinheiro para quem vendeu, e o carro para quem comprou. Vendedor e comprador só precisam acompanhar o andamento do negócio pelo seu computador ou smartphone.

E agora que você conhece mais sobre como funciona a CARUPI, que tal procurar pelos melhores usados e seminovos do mercado acessando nosso website ou baixando nossos apps para Android e iOS? Conheça o jeito CARUPI de comprar e vender carros de forma prática, confortável e segura!