COMPARTILHE EM SUAS REDES

Comprar automóveis usados ou seminovos é uma equação que pede atenção redobrada para ser resolvida sem dor de cabeça, e é preciso analisar uma série de detalhes antes de fechar negócio.

O primeiro deles é a procedência, seguido pela avaliação do estado físico estrutural do carro envolvido na negociação, o que requer olho clínico. 

Embora algumas pessoas busquem resolver a situação por conta própria, correndo riscos desnecessários e ficando suscetíveis a golpes, o ideal – e mais recomendado – é a emissão do laudo cautelar do veículo. 

O laudo cautelar é um documento de extrema importância para facilitar a revenda do carro, cumprir normas, prevenir acidentes, oferecer proteção para o motorista e ainda garantir que o veículo possa ser aceito por seguradoras. A análise é minuciosa, com captação de imagens e descrição de detalhes que podem evitar muitos problemas. 

Embora não seja obrigatória, a vistoria cautelar traz mais tranquilidade para quem compra e dá credibilidade para quem está vendendo, pois atesta a originalidade do veículo, sua procedência e o estado de diversos itens estruturais. 

Além de ajudar para que sua compra – ou venda – seja mais tranquila, o laudo cautelar colabora para evitar fraudes e inibir o número de furtos e roubos, já que dificulta a revenda de peças falsificadas ou de procedência duvidosa.

Ou seja: o Laudo Cautelar deve sempre ser levado em consideração antes de comprar ou vender carros que já rodaram alguns quilômetros.

Vamos entender o assunto com mais detalhes e ficar por dentro de informações que podem fazer uma enorme diferença em sua próxima negociação?

Para começar, inspecione os temas do nosso artigo:


Quais são os tipos de vistorias para carros?

         • Vistoria para transferência

         • Vistoria Cautelar ou de procedência

         • Vitoria prévia

Qual é a importância do laudo cautelar veicular?

O que é verificado na vistoria cautelar?

A parte mecânica é verificada na vistoria cautelar?

Onde é feita e quanto custa a vistoria cautelar?

O que pode reprovar um veículo na vistoria cautelar veicular?

       • Integridade da suspensão comprometida

         • Chassi com numeração alterada ou ilegível

         • Irregularidades em vidros e janelas

         • Estado dos Pneus

E se o carro for reprovado na vistoria veicular?

Existem garantias pós-vistoria cautelar?

Onde comprar carros vistoriados com comodidade e segurança?

Mulher realizando vistoria automotiva segurando prancheta com carro ao fundo
Existem tipos diferentes de inspeções e vistorias para automóveis (Imagem: Freepik)

Quais são os tipos de vistorias para carros?

Aí está um assunto que deixa muita gente em dúvida. Por isso, para começar, vamos listar os tipos de vistorias para veículos e explicar como funciona cada uma delas.

Vistoria para transferência

Realizada em casos de transferência da documentação (mudança de propriedade) para identificar adulterações e fraudes que não estejam de acordo com as especificações do Detran, como peças clonadas, quilometragem adulterada ou itens customizados que não estejam regulamentados.

Depois da inspeção, é emitido um laudo de vistoria veicular que, por sua vez, permitirá a emissão do novo documento do carro. 

Vistoria cautelar ou de procedência

Específica para carros usados e seminovos, visa identificar danos estruturais e comprovar a originalidade do veículo. Também verifica adulteração na numeração do chassi, motor, câmbio, vidros e outros pontos de identificação. 

Não é obrigatória, mas recomendamos sempre a execução. 

Vistoria prévia

Tipo de vistoria solicitada pelas empresas que oferecem o serviço de seguro do automóvel, como seguradoras, bancos e financeiras.

Serve para avaliar o estado de conservação do veículo, verificar a existência do carro e conferir a veracidade das informações fornecidas pelo segurado. 

Qual é a importância do laudo cautelar veicular?

Funciona como um atestado de procedência do veículo, evitando problemas legais, financeiros e de segurança.

Ao fazer a inspeção cautelar, os riscos de ter surpresas desagradáveis como documentação adulterada, fraudes, problemas de identificação, débitos não quitados e falta de proteção caem drasticamente.

O que é verificado na vistoria cautelar?

• A autenticidade dos documentos do carro e o histórico dos proprietários.

• O histórico financeiro do veículo, para verificar se há algum débito em aberto.

• As pendências jurídicas, para saber se o automóvel faz parte de algum processo legal.

• O estado das partes estruturais como as longarinas, almas de para-choque, painéis do motor e do porta-malas e de segurança, onde são conferidos vários itens, entre eles os de identificação como placas, chassi, motor, pintura, velocímetro, pneus, freio, alinhamento e amortecedores.

Indícios de sinistros, como batidas ou roubo.

• Vestígios de adulteração ou clonagem.

• Se o veículo foi comprado em leilão ou sofreu algum tipo de recall

A parte mecânica é verificada na vistoria cautelar?

Como não se trata de uma avaliação profunda da parte mecânica do veículo, a vistoria cautelar não identifica defeitos desse tipo. Para isso, o ideal é que, antes de fechar negócio, o carro seja avaliado por um mecânico profissional de confiança e que seja realizado um test drive

Rapaz realizando vistoria veicular em oficina com carros ao redor
Vistoria veicular verifica diversos itens e documentos do veículo (Imagem: Freepik)

Onde é feita e quanto custa a vistoria cautelar?

A vistoria pode ser realizada onde for mais conveniente para quem vai comprar ou vender o veículo. Pode ser a domicílio, na concessionária ou na loja em que o automóvel esteja. A recomendação é que o serviço seja agendado com antecedência, porém, caso haja pessoal disponível, é possível realizar a vistoria na mesma hora da solicitação.

Além do veículo, é necessário apresentar o documento original e o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo). A vistoria é realizada em cerca de uma hora, e o valor para realizá-la varia de acordo com a região, podendo ficar entre R$ 150 e R$ 300

O que pode reprovar um veículo na vistoria cautelar veicular?

A reprovação na vistoria do carro pode ocorrer quando é identificado algum problema com os itens originais do automóvel, como adulterações que não seguem as especificações do fabricante ou quando há problemas em algum acessório ou equipamento.

A seguir, listamos algumas situações que costumam provocar reprovação na vistoria cautelar. 

Integridade da suspensão comprometida

Por ser um dos principais e mais importantes sistemas do veículo, a suspensão está entre os primeiros itens verificados na inspeção cautelar. Sua integridade deve estar em perfeitas condições.

Como acabam tendo alterações significativas na suspensão original, os carros rebaixados estão entre os mais reprovados nesse quesito.  

Chassi com numeração alterada ou ilegível

A numeração do chassi equivale ao número de identidade do veículo, pois traz informações importantes, entre elas o nome da montadora e o local em que o carro foi produzido.

Numerações com leitura comprometida, raspadas ou com qualquer detalhe que comprometa a identificação são reprovadas na vistoria e, dependendo do caso, é necessário que o chassi seja remarcado para que seja aprovado. Porém, para que isso aconteça, é preciso solicitar uma autorização prévia junto ao Detran. 

Homem com prancheta checando traseira de carro de perto durante vistoria veicular
Vários critérios irregulares podem ocasionar a reprovação durante a vistoria do carro (Imagem: Freepik)

Irregularidades em vidros e janelas

Etiquetas de identificação, gravações nos vidros e possíveis quebras ou rachaduras nas janelas são verificadas com olho clínico e passíveis de reprovação.

As películas de proteção – ou insulfim – devem ser instaladas corretamente, seguindo as normas do Código de Trânsito Brasileiro. Películas refletivas ou fora dos padrões estabelecidos também não passam pelo crivo inspecional.

Estado dos Pneus

Como todo mundo sabe, pneus em mau estado comprometem drasticamente a segurança do veículo. Para passar na inspeção do lado cautelar, eles devem não apenas estar em ótimo estado, como também devem possuir a largura correta, sem nunca ultrapassar a área da carroceria. 

Equipamentos utilizados durante a troca dos pneus, como macaco, chave de rodas e triângulo também são avaliados.

E se o carro for reprovado na vistoria veicular?

Quando um automóvel não for aprovado na vistoria, é necessário agendar uma nova análise. Por isso, é importante ficar atento aos itens que apresentamos e adotar todas as medidas necessárias para regularizar o veículo.

Onde comprar carros vistoriados com comodidade e segurança?

Viu só como a vistoria cautelar é importante para facilitar a revenda do carro, prevenir acidentes, trazer segurança para o comprador e ainda garantir que nenhuma norma seja descumprida? 

Mas, após aprender tudo sobre a importância do laudo cautelar, ainda resta uma questão importante: onde encontrar carros para comprar com a vistoria em dia e a certeza de um negócio seguro e tranquilo? Afinal, nos classificados particulares é raro obter esse tipo de documento, e nem todo lojista ou concessionária garante seu fornecimento. 

A resposta para quem busca essa tranquilidade tem 6 letras: CARUPI. 

Somos uma startup de tecnologia, apoiada por investidores do Vale do Silício, que garante uma compra de carros usados ou seminovos 100% segura, do início ao fim do processo, e com um detalhe que faz toda a diferença: você pode fazer tudo sem sair de casa.

Homem em casa comprando carros online com vistoria na CARUPI
Na CARUPI, todos os carros passam por inspeções e vistorias antes de fechar negócio (Imagem: Pixabay)

Ao escolher um carro na extensa base de veículos da CARUPI, tudo é resolvido de forma remota: faça sua oferta, negocie, encontre as melhores formas de pagamento e assine os papéis da compra no conforto do seu lar. Você só tem o trabalho de fazer o test drive, caso queira – e ainda recebe o automóvel do seu interesse na porta de sua casa, levado até você por nosso time, para que possa dar uma volta e testá-lo nas ruas.

Todos os trâmites da negociação são acompanhados de perto e conduzidos com auxílio dos executivos de soluções CARUPI, que prestam um serviço exclusivo estilo concierge, evitando imprevistos ou surpresas desagradáveis. A CARUPI cuida de tudo para você, do início ao fim do processo, e garante que nenhum carro seja negociado sem as devidas inspeções e vistorias. 

Depois, é só engatar a primeira marcha e sair rodando por aí com aquele sorriso de quem fez um negócio garantido e vantajoso.

Para saber mais, que tal vistoriar nosso site e se surpreender com tudo o que a CARUPI pode fazer para facilitar sua vida na hora de comprar e vender um veículo usado ou seminovo.